Finalizando a última leva de pedidos de análise, estamos publicando os gráficos das ações BBAS3 (Banco do Brasil ON), KLBN4 (Klabin PN) e BVMF3 (BM&FBovespa ON).

Abaixo seguem os pedidos.

1) BBAS3 – Banco do Brasil ON (a pedido do Matheus)

A ação após perder os R$ 22,00, suporte do seu canal lateral de longo prazo, em Setembro de 2008, despencou até o fundo próximo aos R$ 10,00, como mostra o gráfico diário acima.
Ao atingir este nível oscilou bruscamente entre o fundo dos R$ 10,00 e os R$ 16,00, até se acalmar e estabilizar seu preço na região entre R$ 13,00 e R$ 14,00.
Após acumular nesta região, engatou uma forte alta, atingindo os R$ 21,00, antigo suporte do canal lateral de longo prazo e atual resistência. Agora está perto desta resistência, criando forças para vencer este nível.Se passar, tem tudo para ir mais além, até a zona dos R$ 25,00.

2) KLBN4 – Klabin PN (a padido do Fabiano)

O gráfico diário acima mostra o desempenho (negativo) da ação desde Outubro de 2007. Ali observamos um canal de baixa de longo prazo. Em Setembro de 2008 intensificou a queda ao perder o suporte do canal de baixa (linha inferior) e atingir o fundo perto dos R$ 2,75.
Tentou recuperar-se mas esbarrou na seu antigo suporte do canal de baixa, agora resistência, e voltou a cair atingindo o fundo do poço em R$ 2,50. Desde lá vem reagindo, tentando voltar ao canal de baixa. Atualmente está indecisa, sem saber se vai ou volta. Suporte imediato em R$ 3,00. resistência imediata na zona dos R$ 3,70.

3) BVMF3 – BM&FBovespa ON (a pedido do Márcio)

Depois da fusão entre a Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F) e a Bovespa (Bolsa de Valores), a nova ação com código BVMF3 apresenta um desempenho bastante negativo, como mostra o gráfico diário acima. Desde a fusão, as ações caíram fortemente. Ao atingir o fundo perto dos R$ 4,00, começou uma reação e formou um canal de alta.
Recentemente, com a entrada do capital estrangeiro, atingiu a resistência do canal de alta (linha superior) próxima aos R$ 12,00. Neste ponto a ação voltou a ceder. No curto prazo a ação poderá testar o suporte do canal de alta (linha inferior) na zona dos R$ 8,50.
Se romper a resistência do canal deverá buscar os R$ 14,00. Se perder o suporte pode testar os R$ 7,00.

Um abraço a todos,

Investmaníacos, 25 de Maio de 2009

1 comentários:

On 25 de maio de 2009 21:31 , master disse...

OLa, gostaria que voce fizesse uma analise das construtoras. mais especificamente cyrela e abyara, essa ultima estou bem interessado em comprar pelo seu baixissimo valor e pelo potencial da baixa renda com o programa do governo.

Obrigado